Círculo Natalino

Círculo Natalino

CÍRCULO NATALINO

Localização: Em todo o município, áreas não urbana e urbana.

Acesso ao atrativo: Rodoviário, totalmente pavimentado, em bom estado de conservação e não sinalizado.

Transporte para o atrativo: rodoviário, coletivo regular, em bom estado e não adaptado.

Legislação ou registro/patente da realização: Não há.

Estado de conservação: Bom.

Entrada do atrativo: Não há entrada definida.

Visitação: De 24 de dezembro a 06 de janeiro, sem visitas guiadas, acesso gratuito e sem autorização prévia.

Acessibilidade do atrativo: temporária.

Tempo necessário para usufruir o atrativo: Algumas horas.

Equipamentos e serviços no atrativo: Serviços de limpeza e de segurança, instalações sanitárias, área para lazer e entretenimento, locais de alimentação e hospedagem não adaptados.

Atividades ocorrentes no atrativo: Peregrinação dos grupos folclóricos e religiosos.

Integra roteiros turísticos comercializados? Sim, através da “Rota dos Vales e do Café”. Coordenada pela SEDETUR.

Origem dos visitantes: Local, municipal e do entorno regional. Maior fluxo de visitação nos meses de dezembro e janeiro.

Descrição do atrativo: As folias de reis iniciam sua peregrinação no ciclo natalino, a partir da meia noite do dia 24 de dezembro, noite de Natal, prosseguindo até o dia 6 de janeiro, dia dos Santos Reis. Do dia 7 a 20 de janeiro, dia de São Sebastião, saem para homenagear o santo de devoção, dessa vez, somente de dia e sem a presença de palhaços. A jornada inicia com uma oração especial em seus próprios santuários, logo após, os foliões vão até a Igreja, para uma benção especial, de onde saem de costas. Fazem suas apresentações pela ruas e nas casas que as convidam.

Em sua peregrinação, chegam as casas procurando o menino Jesus, nascido na noite do dia 24, simulando, dessa forma, a peregrinação dos três reis magos. Se baterem em uma casa e o dono não atender, a casa é amaldiçoade se forem atendidos, a casa é abençoada.