Ponte dos Arcos "Francisco Alves Atayde"

Ponte dos Arcos Francisco José Athayde

Icon
Por viaes

Ponte Francisco Alves de Athayde, figura expressiva da história política e social do município.

PONTE DOS ARCOS "FRANCISCO JOSÉ ATHAYDE"

Localização: Bairro Baiminas, Sede, área urbana.
Localidade mais próxima do atrativo: Sede.

Distância da localidade mais próxima: Sede.

Distância da Sede do município: Sede.

Acesso ao atrativo: rodoviário, totalmente pavimentado, em bom estado de conservação e sinalizado.

Descrição do acesso utilizado: liga os bairros Coronel Borges e Arariguara.

Transporte para o atrativo: rodoviário, coletivo regular, em bom estado e não adaptado.

Legislação de proteção ao atrativo: Tombado em 23/12/1996 pela Resolução nº 004/96, pelo Conselho Municipal de Desenvolvimento Urbano de Cachoeiro de Itapemirim: COMDUR. Processo protocolado sob o nº 14/96. Inscrição no Livro de Tombo e Averbação do Tombamento à margem da transcrição do imóvel, no cartório de Registro de Imóveis desta Comarca.

Estado de conservação: bom.

Entrada do atrativo: pela sua extremidade.

Visitação: diariamente, sem visitas guiadas, acesso gratuito e sem autorização prévia.

Acessibilidade do atrativo: permanente.

Tempo necessário para usufruir o atrativo: algumas horas.

Equipamentos e serviços no atrativo: serviço de limpeza, segurança, e no entorno há locais para hospedagem e alimentação.

Atividades ocorrentes no atrativo: contemplação do Rio Itapemirim e da estrutura da ponte.

Integra roteiros turísticos comercializados? sim, através da .Rota dos Vales e do Café. Coordenada pela SEDETUR.

Origem dos visitantes: local, municipal, do entorno regional e de outros estados. Maior fluxo nos dias úteis.

Descrição do atrativo: a Ponte dos Arcos, localizada sobre o Rio Itapemirim, na parte final da cidade, ligando ao bairro Arariguaba ao bairro Coronel Borges. Foi construída em 1955 pelo Prefeito Nelo Vola Borelli e tem o nome de Francisco Alves de Athayde, figura expressiva da história política e social de Cachoeiro do Itapemirim, morador da região de Coronel Borges. Ele foi vice governador do Estado do Espírito Santo. O nome Ponte dos Arcos foi colocado pelo povo em razão de sua arquitetura ser em forma de arcos. Ela se difere das demais pontes da cidade e foi construída para veículos de pequeno porte.

Icon
Por viaes

Vista total da ponte ligando os bairros Arariguaba (Baiminas) e Coronel Borges.