Itabira

Pedra do Itabira

Icon

Foto: ViaES

PEDRA DO ITABIRA

Localização: Sede, área urbana.

Localidade mais próxima do atrativo: Sede.

Distância da localidade mais próxima: 3km.

Distância da Sede do município: 3km.

Acesso ao atrativo: rodoviário, parcialmente pavimentado, em bom estado de conservação e não sinalizado.

Descrição do acesso utilizado: com acessos pelo bairro São Luiz Gonzaga (pelo quartel da PM e pela subestação da Escelsa), por cerca de 3Km.
Pela BR-101 entrando cerca de 600m antes da fonte de Água do Frade, na Rod. do Frade percorre 8Km. Outro acesso é pela Rod. ES-164, Gumercindo Moura Nunes, que liga Cachoeiro X Vargem Alta, entrando pela Rod. do Contorno na altura do Km 7, percorrendo mais 3Km até o Pico.

Transporte para o atrativo: rodoviário, coletivo urbano, regular, em bom estado e não adaptado.

Legislação de proteção ao atrativo: Decreto Municipal nº 6.117 04/08/88.

Estado de conservação: bom.

Entrada do atrativo: portaria principal, não adaptada.

Visitação: de segunda a sexta-feira, de 8h às 18h, sem visitas guiadas, acesso gratuito e sem autorização prévia.

Acessibilidade do atrativo: permanente.

Tempo necessário para usufruir o atrativo: algumas horas.

Equipamentos e serviços no atrativo: parque com instalações de lazer, banho e eventos nas proximidades.

Atividades ocorrentes no atrativo: contemplação da natureza, banho e trilhas.

Integra roteiros turísticos comercializados? Sim, através da:Rota dos Vales e do Café. Coordenada pela SEDETUR.

Origem dos visitantes: local, municipal, do entorno regional e de outros estados. Maior
fluxo nos finais de semana.

Descrição do atrativo: o Pico do Itabira é uma área que tem uma elevação rochosa em granito, de cerca de 600 m de altura, com 102,81ha, considerado o .Cartão Postal. da cidade. Possível de ser avistado por quase todos os bairros da cidade, o Itabira, criado pelo Decreto Lei nº 6.117, em 04/08/88 retificado pelo Decreto 6.154, de 25/08/88, é um importante marco referencial para a comunidade. Sua encosta escarpada é propícia para atividades relacionadas ao alpinismo, e as montanhas menores, ao entorno, possibilitam caminhadas e banhos de cachoeira e riachos. Por sua beleza cênica e integridade ecológica, o Itabira foi tombado como Parque Municipal de 1988 pelo Decreto Lei nº6117, em 04/08/1988 retificada pelo Decreto Lei nº. 6154, de 25/08/1988.